O que já estava difícil, ficou ainda mais…

Em 12 de dezembro de 2015, o Acordo de Paris foi assinado por 195 países.

Esse acordo foi visto como o esforço mais promissor já feito na história para diminuir os impactos humanos na mudança climática que nós estamos vivendo.A ideia do acordo é que nos próximos anos os países conversem entre si e pressionem uns aos outros com o objetivo de criar uma certa diplomacia climática que promova uma redução significativa das emissões de dióxido de carbono em todo o planeta.

Na última quinta-feira, porém, o presidente dos EUA, Donald Trump, anunciou a saída dos EUA desse acordo. O acordo não prevê obrigatoriedades para os países envolvidos, então, isso quer dizer que ele não quer nem sequer conversar sobre mudança climática ou aquecimento global.

E o que isso significa?

Aquecimento global é algo real em=, cientificamente falando, não há dúvidas que ele esteja acontecendo. E, apesar disso ser um consenso na comunidade científica, ainda há quem diga que isso deve ser discutido.

Em um estudo feito com artigos publicados entre 1991 e 2011, foi revelado que 97% dos cientistas concordam que o Aquecimento Global é causado por atividades humanas. Então, não existe debate, aquecimento global é real. E, caso você ainda tenha dúvidas sobre isso, pode conferir alguns links que estão no final do texto.

No momento atual, se nós somarmos todos os esforços que estão em andamento ao redor do mundo, eles não nos garantem um aumento na temperatura global menor que 2 graus Celsius, que é o objetivo do Acordo de Paris. Os países envolvidos no acordo ainda precisam aumentar significativamente o empenho para que esse objetivo seja atingido. A saída dos EUA dificulta ainda mais alcançar esse objetivo, já que os EUA sozinho são responsáveis pela emissão de 1/5 do dióxido de carbono no planeta.

Os argumentos do presidente Donald Trump para sair do Acordo de Paris são extremamente frágeis. Inclusive, dezenas de grandes empresas dos EUA reagiram contra essa decisão. Apple, Google, Microsoft, Facebook e várias outras são contra a saída dos EUA do acordo de Paris.

O que já estava difícil, ficou ainda mais difícil depois dessa atitude do atual presidente dos EUA. Mas não é o fim do mundo. A princípio, todos os outros grandes países que assinaram o Acordo de Paris continuam com o compromisso de atingir o objetivo proposto. O Acordo de Paris é um passo importante para a redução das emissões de CO2, mas não é o único.

A nossa conscientização quanto à importância da ciência através dos fatos e das evidências é fundamental para mantermos um planeta Terra menos doente.

Aqui embaixo ao final do texto tem vários links interessantes para você entender um pouco mais sobre esse assunto. Um seriado da Netflix, um documentário da HBO, links para as fontes das informações deste texto e links para alguns vídeos no youtube que falam um pouco mais sobre esse assunto.

E só por curiosidade, desde que você começou a ler este texto, uma quantidade equivalente a aproximadamente 200.000 toneladas de dióxido de carbono foi lançada na atmosfera.

Fontes e links úteis:

NERDOLOGIA Aquecimento Global
VERITASSIUM – 5 razões ruins para largar o Acordo de Paris(inglês)
New York Times a decisão do Trump de sair do Acordo de Paris (inglês)
inco efeitos globais da saída dos EUA do Acordo de Paris
Bill Nye Saves the World na NetFlix
Carta aberta de grandes empresas dos EUA contra a decisão do Trump (inglês)
Ministério do Meio Ambiente e o Acordo de Paris
97% de consenso que o Aquecimento Global atual é causado por atividade humana (inglês)
NASA sobre mudança climática
Contador da quantidade de carbono que ainda podemos emitir antes que seja tarde demais (inglês)


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s